Fechar

Not a member yet?Register now and get started.

lock and key

Sign in to your account.

Account Login

Manuel

26 mar. 2012

Manuel e o Guarda

Manuel foi visitar um arranha-céu. Quando estava lá no alto, olhou para baixo e viu (bem pequenininho, obviamente) o que parecia ser um guarda multando seu carro. Começou a descer as escadas correndo e a cada andar olhava de novo para baixo: a cena, cada vez maior, realmente parecia ser um guarda multando seu carro.
Ao chegar lá embaixo, encontrou o guarda já indo embora:
- O senhoire aplicou essa multa no meu carro?
- Apliquei, sim! O senhor está estacionado em local proibido.
- Mas o senhoire não pode fazer isso! Justo comigo, que te conheço desde que eras pequenininho...

2leep.com
21 dez. 2011

O Português e o Bebê

Voltando para casa com o bebê recém-nascido, a mulher do português dizia:
- Meu filhinho, meu filhinho...
- Ô Maria... esse bebê não é teu filho!
- Como não, Manuel, se fui eu que pari, ele saiu de dentro de mim?
- Aí que tu te enganas! Esqueceu que ontem, lá na maternidade, tu me pediste pra trocar o bebê?

2leep.com
25 nov. 2011

Português Doente

O português está completamente rouco, quase sem poder falar. E o amigo pergunta:
- Ô Manuel, o que aconteceu com sua voz?
- É... eu 'stou com a garganta fudida! Sou feirante e não posso anunciaire meus produtos! - responde, sussurrando.
- Que é isso, Manuel... não esquenta, não... Supositórios!
E no dia seguinte cê tá bom! - recomenda o amigo.
- Que supositório nada! O farmacêutico já me vendeu dez e não resolveu nada!
Aí o amigo resolve gozar o português:
- Vai ver que você tomou os supositórios!
E o Manuel:
- Não! ENFIEI NO CU, seu idiota!

2leep.com
18 nov. 2011

O Desodorante do Manuel

Certo dia, o Manuel chama a empregada e diz:
- Ó, Durvalina. Você vai na farmácia e me compra três desodorantes ioio.
A Durvalina volta e diz:
- Seu Manuel, o moço da farmácia disse que esse desodorante que o senhor quer não existe!
- Mas como não existe? Olha aqui, escrito no tubo vazio!
A Durvalina olha e diz:
- Seu Manuel, o senhor se enganou! Não é ioio. É desodorante 1010!

2leep.com
11 nov. 2011

Outros Nomes

Os dois portugueses se encontram e conversam:
- Tu viu no programa do Sílvio Santos? Aquele filho da pu&@ do Ary Toledo? As piadas que ele conta dos portugueses só têm Manuel e Joaquim!
- Eu percebi mesmo! É só Manuel e Joaquim, Manuel e Joaquim...
- Será que esse cara não sabe que lá em Portugal existem outros nomes além de Manuel e Joaquim?
- Deixa ele falar o nome que ele quiser. Se ele quer falar Manuel e Joaquim, deixa ele falar...
- Bom... Deixa eu ir embora, que já está tarde! Boa noite, Manuel!
- Boa noite, Joaquim!

2leep.com
3 nov. 2011

No Parque

Os dois portugueses vinham passando por baixo de uma árvore e o passarinho cagou na cabeça do Joaquim.
Imediatamente, ele parou, olhou pro companheiro e disse:
- Manuel... Sinto algo estranho na minha cabeça. Olha o que é!
E o Manuel:
- É merda!
- Não! Estou a falar do lado de fora, pá!

2leep.com
10 out. 2011

O Estranho no Ninho

O Manuel que sofria de hemorroidas, vindo do consultório médico, chega em casa com uma latinha na mão e diz:
- Querida, graças a Deus não vai ser preciso operação. O médico, lá no consultório, me fez uma massagem e pediu para que ensinasse a ti fazê-la da mesma maneira como ele fez!
- É só tu me ensinares, pois!
O Manuel abaixa as calças, coloca as duas mãos sobre a cama, fica na posição em que Napoleão perdeu a guerra e diz:
- Mete o dedo na pomada!
E ela prontamente obedece.
- Agora, tu bote a mão direita no meu ombro direito e a esquerda no meu ombro...
A Maria, mais uma vez, obedece.
- Vai, Maria, começa o raio da massagem!
E ela, com ar de inteligente:
- Mas, Manuel, com as minhas duas mãos sobre teus ombros, como posso lá eu fazer a massagem?
E foi aí então que o Manuel, puto da vida, comentou:
- AAAhhh... Médico filho da puta! Como é que ele fez a massagem?

2leep.com
5 out. 2011

Piada do Manuel

Era uma festa de debutantes finíssima, a maior formalidade, com as mulheres de longo e os homens de smoking. Para se ter uma idéia do ambiente, o maior palavrão que se tinha ouvido por ali era bunda. Estava todo mundo conversando na beira da piscina, quando começaram a contar piadas. Na turma, tinha uma português que era bicão. De repente alguém se virou para ele e falou:
- E o senhor, seu Manuel? Conta uma piada pra gente também!Todo mundo contou, agora é sua vez!
E o Manuel:
- Eu não gostaria di contaire porque as minhas piadas são um bucadinho pesadas. Quer dizer, no começo são levinhas, mas no final elas engrossam!
A dona da casa e os outros convidados falam:
- Ah, que é isso? Pode contar que não tem censura aqui, pode contar!
- Eu peço encarecidamente que não insistam, porque as minhas piadas, como falei, no começo são leves, mas no final elas engrossam!
E o pessoal todo em coro:
- Conta! Conta! Conta!
E o português:
- 'Stá bem! Já que insistem, vamos lá: Havia, em Portugal, UM CHUPADOR DE BUCETAS...

2leep.com
9 ago. 2011

Censura Portuguesa

No bar do Manuel, o grupo de amigos, sentados numa mesa tomando umas e outras, comentava:
- Cê viu aquele gol do Corinthians contra o Flamengo?
Nisso o português interrompe:
- Por favor, senhores. Eu peço que não discutam futebol aqui no meu bar porque sempre acaba em briga.
Os caras partem pra outro assunto:
- Ô, Zé, cê é católico ou espírita?
O português interrompe de novo:
- Senhores, por favor, religião eu não quero que discutam aqui no meu bar, porque sempre acaba em briga.
Os caras mudam de assunto, já de saco cheio:
- Que cê acha desse goverto?
E o português corta em cima:
- Pelo amor de Deus, senhores! Não me falem em política aqui no bar porque sempre acaba em briga também!
Um deles lascou:
- Porra Manuel, que merda de bar é este aqui que não se pode falar de futebol, religião, política... Pelo menos de sexo posso falar?
O português pensou e autorizou:
- Bain, de sexo pode.
- Então vai tomar no teu cú!

2leep.com
27 jul. 2011

Manuel vai às Compras

O português, com a lista de compras na mão, diz ao rapaz que o atende:
- Eu queria dois quilos de carne, um quilo de linguiça, duas dúzias de ovos, um quilo de batata...
- Espera um pouco! O senhor é português, não é?
- Sim... Descobristes pelo meu sutaque?
- Não! É que isto aqui é uma farmácia!

2leep.com